• Ícone bandeira do Brasil
  • Ícone bandeira da Inglaterra
  • Ícone bandeira da Espanha

Além da alta tecnologia, Ascenty ousa em serviços

12/07/2018
Além da alta tecnologia, Ascenty ousa em serviços

*matéria publicada no Portal IT Fórum 365, por Solange Calvo.

Estratégia diferenciada que prima pela transparência e garantia de máxima eficiência no atendimento leva companhia ao crescimento.

A transformação digital em ebulição no planeta tornou a avalanche de dados ainda maior no ambiente corporativo, impulsionando a busca por serviços de data centers, que, de acordo com a consultoria Frost & Sullivan, esse mercado totalizará receita de US$ 4,37 bilhões em 2021. No Brasil, registrou US$ 1,3 bilhão em 2017. A Ascenty, provedora de data center, contribui para esse panorama e avança com estratégia diferenciada.

Enquanto a maior parte dos apelos dos centros de dados para atrair a atenção do cliente é acenar prioritariamente com altas tecnologias e certificações, a Ascenty apoiou-se na filosofia da nova era de que o digital depende da mudança de mentalidade e direcionou o foco para excelência em serviços – o pulo do gato do setor.

“Ter certificações como Tier III e alta tecnologia, para nós, é padrão hoje. O que irá nos diferenciar é a tranquilidade que proporcionamos aos clientes com serviços e atendimento fora da curva, com time qualificado”, destaca Marcos Siqueira, diretor de Serviços da Ascenty. 

Com essa bandeira, o segredo do crescimento da ainda jovem Ascenty, antiga Metro Fiber Brasil (nascida em 2010) e que assumiu essa marca em 2012, mora mesmo na alta qualidade na prestação de serviços, segundo reitera Siqueira, atestada pelos próprios clientes, em especial nos projetos de grande escala.

“É interessante como esses clientes chegam até nós, primeiramente contratando apenas um rack, no modelo colocation. Então estressam essa operação ao máximo para testar nossa capacidade de responder rapidamente a incidentes, checar climatização, segurança, conectividade, entre outros recursos. Comprovam nossa qualidade, sentem-se seguros e então ampliam os serviços”, relata.

Siqueira acrescenta que muitas vezes os clientes têm a intenção de construir suas próprias estruturas de data center, por querer manter o controle total da operação e acabam comprovando que não vale esse investimento, quando atestam ser a terceirização uma opção segura e vantajosa. “Sem contar que se livram da dor de cabeça de direcionar esforços para estar em linha com todas as exigências regulatórias, que podem adiar o projeto e até mesmo inviabilizá-lo. Não é uma tarefa fácil”, alerta.

Ousadia no atendimento

Mesmo de posse da certificação Tier III, que assegura uma operação com os melhores níveis de confiabilidade de infraestrutura tecnológica, além de exigências em relação a projeto, montagem, instalação, operação, manutenção e sustentabilidade dos ambientes, máquinas e serviços, a Ascenty foi além e ousou.“Garantimos em nossos contratos 100% de disponibilidade. Registrado em cartório. Isso é possível em razão da total confiança em nossa qualidade como provedores”, avisa.

De acordo com Siqueira, a Ascenty traz na manga um outro diferencial que tem atraído a atenção dos clientes. A empresa oferece atendimento em cinco níveis e mobiliza as equipes qualificadas para prestá-lo e solucionar os problemas em 98% dos casos já no primeiro. Além disso, há o valor agregado de contar em todos os níveis com a participação direta de altos executivos. Detalhe: o último nível (5º) tem a participação do presidente da Ascenty. “Mas nunca isso aconteceu. Dificilmente chega ao segundo”, garante.

E acrescenta: “O contato frequente do cliente com o provedor é sinal de problema. Quero que eles esqueçam que existimos. Porque então está correndo tudo bem. Assim, podem focar em suas estratégias de negócio”.

Outro ponto importante destacado pelo executivo é a transparência. Segundo ele, compartilhar informações sobre o status do ambiente referentes à conectividade, climatização, energia, disponibilidade, entre outros detalhes críticos, garantem satisfação. “Batizamos esse serviço de Portal da Transparência, que reforça a relação de confiança com o cliente”, diz.

Em expansão

A Ascenty conta hoje com oito data centers em três estados no País (São Paulo, Rio de Janeiro e Ceará), todos interligados por rede de fibra óptica própria, que totaliza 4,5 mil quilômetros de extensão. Neste ano, inaugurou escritório em Miami (EUA) e já se comprometeu com a construção de mais seis data centers em 2019.

“Investiremos R$ 1 bilhão nessa iniciativa e no paralelo vamos expandir nossa operação na América Latina, com atenção especial para Chile, Colômbia, México e Panamá, impulsionados por expectativas e insights de grandes clientes e prospects que têm interesses significativos na região”, revela.

A empresa possui mais de 40 provedores de telecom interligados em sua rede de fibra óptica, unindo os principais pontos de troca de tráfego e importantes provedores de cloud computing, favorecendo o gerenciamento de clientes que querem ingressar ou já aderiram ao modelo multicloud. Toda essa estrutura, segundo Siqueira, garante alto desempenho e capacidade para que os clientes tenham tranquilidade em suas operações e a continuidade dos seus negócios. 

Siqueira lembra ter sido a Ascenty um dos últimos players a chegar nesse mercado e por essa razão buscou diferenciais. “Focamos na agilidade das entregas, na velocidade de resposta aos incidentes e na flexibilidade de composição de projetos para que o cliente tenha uma solução altamente personalizada. Temos uma infraestrutura de ponta, mas a consideramos um padrão a ser oferecido. Nossa estratégia de serviços é o maior diferencial”, finaliza.