• Ícone bandeira do Brasil
  • Ícone bandeira da Inglaterra
  • Ícone bandeira da Espanha

Ascenty inaugura primeiro data center em Campinas

19/09/2012
Ascenty inaugura primeiro data center em Campinas

Mais um data center entra na disputa pelo mercado brasileiro de serviços de TI. É o da Ascenty, que será inaugurado no próximo dia 25/09, localizado na cidade de Campinas, com instalações no Tecno Park.

O empreendimento é o novo negócio do empresário Christopher Torto, que foi fundador da Vivax, operadora de TV paga por satélite, vendida para a Net. Ele está investindo 100 milhões de reais no projeto de Campinas e prevê aporte nesse mesmo valor na construção de outros dois data centers no interior paulista até 2014.
Os recursos vêm do fundo de private equity norte-americano Great Hill Partner, que é sócio de Christopher Torto. Os investidores estão colocando 250 milhões na companhia nacional Ascenty.

Torto, que é o CEO do grupo Ascenty, explica que a cidade de Campinas foi eleita porque além, de ter grande potencial para negócios de outsourcing, tem pouca presença de data centers. Estão naquela região apenas a Algar Tecnologia e a IBM.

O executivo observa que a maioria dos data centers do Brasil está concentrada em Alphaville, na Grande São Paulo, e que o interior paulista está descoberto. Sua estratégia para explorar esse segmento é parecida com a aplicada quando fundou a Vivax, em 1995, na cidade de Americana (SP). Na ocasião, ele viajou o Brasil inteiro em busca de local adequado para abertura da prestadora de TV por assinatura, vendida para Net em 2007 por 1,2 bilhão de reais.

Segundo Torto, o novo data center já recebeu a certificação Tier III do Institute Uptime e nasce para atender clientes de grande e médio porte, que querem terceirizar a TI. Ele informa que a companhia não criou uma oferta específica de serviços, pois a estratégia é atender os clientes com uma solução de acordo com a sua necessidade.

“Vamos entregar o que eles quiserem, como host, colocation, serviços IP e cloud”, informa o CEO da Ascenty, um norte-americano, que mora no País há mais de 20 anos e se considera um brasileiro.
Estratégia agressiva

O executivo destaca que um dos diferenciais do novo data center são os preços competitivos, principalmente de conectividade, uma vez que o grupo conta com infraestrutura da empresa irmã que é a Ascenty Telecom.
“As teles levam de 60 a 90 dias para entregar links em Campinas. Vamos entregar esse serviço em dez dias. Chego mais rápido porque somos focados no mercado coporativo”, diz Torto, que promete serviços entre 20% e 30% mais barato que a concorrência.

Com essa estratégia, o executivo estima em dois anos conquistar 150 clientes e faturar 200 milhões de reais com serviços de data center.

Animado com o potencial de crescimento desse negócio no Brasil, ele já pensa em expansão. Seu plano prevê a construção de outros dois data centers no interior de São Paulo. Um será instalado na cidade de Santo André e deverá entrar em operação 2013. O outro vai ser construído em São José dos Campos, com inauguração em 2014.

Solicite uma proposta Solicite uma proposta Agende um tour Agende um tour Chat online Chat online